Você está buscando a liberdade a partir da infelicidade?

Patanjali Yoga Sutras - Nota de Conhecimento 33

“Vishok¢ v¢ jyotishmati”

vishok¢ =livrar-se da infelicidade; v¢ = or; jyotishmati = o brilhante e radiante  estado  da mente

“Livrar-se da infelicidade e ao mesmo tempo saber que sua mente é brilhante ou radiante”.

- Patanjali Yoga Sutra #33

Se você observou que uma pessoa é muito infeliz, triste e você vai e senta-se com aquela pessoa por alguns momentos, você também começa a sentir-se depressivo, triste. Já experimentou isso?

Uma pessoa está infeliz e você simplesmente vai e senta-se com ela, você começa a sentir-se infeliz. E uma pessoa que está muito alegre, borbulhante de alegria e entusiasmo, e você simplesmente vai e senta-se com ela, você começa a rir, começa a sentir-se como ela.

Como sua mente foi treinada?

De novo, esse sentimento de ser feliz ou infeliz é o treinamento que você deu à sua mente. Se você criou o hábito de ficar infeliz, você não se sente particularmente infeliz, mas isso se tornou uma espécie de sua segunda natureza. Ficando com cara de desânimo e lamentando, você se sente em casa.

Você pode perceber isso nas casas de todos os cidadãos mais velhos. Pessoas muito velhas. Elas criaram um grande hábito, um hábito duradouro de lamentar-se. Então elas só continuam se lamentando, mesmo que não exista nada a lamentar. Elas fazem cara de desânimo e permanecem tristes. Ainda que você sentisse, “Por que eles estão tão infelizes? Eles poderiam também estar felizes”. Você já experimentou isso? Já sentiu isso?  Por que essa pessoa, que tem idade, não pode ficar feliz? Você gostaria de saber. Eles fizeram tudo que precisavam fazer, fizeram tudo que queriam fazer, e têm tudo que precisam. E mesmo assim, eles mantêm a aparência de desânimo. Quer saber por quê?

Muitas pessoas são infelizes porque são incapazes de trabalhar. Bem, essa é a natureza do corpo. Quando você tem 80 anos e está infeliz porque não pode correr tão bem quanto podia quando tinha 30 ─ isso é ignorância, é tolice.

Outro dia, um cidadão mais velho veio me ver. Perguntei a ele: “Como vai? Você está feliz”? Ele disse: “Veja, eu costumava correr muitas milhas por dia, costumava trabalhar durante 16 horas por dia. Agora estou infeliz porque não posso trabalhar tanto. Hoje em dia, depois de 4 horas me sinto cansado. Depois de caminhar por 1 km, me sinto cansado.

Como posso ter a minha força de volta para poder caminhar 4 milhas por dia”? Isso porque por dentro ele sente: “Preciso ficar em forma”, mas o corpo não está ouvindo. Dentro, a mente diz: “Eu devia estar trabalhando. Antes eu trabalhava. Como não posso trabalhar mais? Estou ficando velho”.

A ideia ‘Estou ficando velho faz a pessoa sentir-se triste, infeliz. E essa infelicidade ninguém pode tirar de você porque é uma infelicidade autoimposta. E com essa mente infeliz, a pessoa fica nervosa, raivosa, tensa, todas as outras coisas ─ a negatividade chega até elas. Ficam saturadas de negatividade e morrem assim. Você percebe isso acontecendo?

Liberdade a partir a infelicidade

O Patanjali oferece essa ideia: vishoka significa livrar-se da infelicidade. A tristeza é apenas um hábito. Olhe dentro de sua mente e você verá: “Isso é tristeza. Isso não tem fundamento. Isso se fez por si”. No momento que você olhar para sua mente, a tristeza que se fez por si desaparecerá. Você fica livre da tristeza. Ela é apenas um conceito como qualquer conceito.

Um conceito como: “Ó! As pessoas não me respeitam”. Isso não tem fundamento. “Ninguém me respeita. Não sou suficientemente esperto”. Todas as ideias sobre si mesmo que alguém impõe a si mesmo fazem esse alguém ficar muito infeliz. “Ninguém gosta de mim”. Quem não gosta? Todo mundo vai gostar de você. Por que você acha que ninguém gosta de você? “Eu sou tão burro”. Quem disse que você é burro? A burrice é só uma comparação. Você é sábio para alguém que é mais burro do que você. Há uma escala para a burrice. Você pode até encontrar pessoas que são mais burras do que você. Olhe para baixo e sinta que você é sábio. Suas comparações podem trazer tristeza e perturbações à mente. Não se compare com ninguém. Aí então você poderá ser mais feliz. Percebe o que estou dizendo?

Vishoka – Torne sua mente livre da tristeza. Essa tristeza que sai dos conceitos. Você percebe isso?

<< (32)&nbsp;Rítmos da Respiração Acalmam a Mente(34) Veja sua mente como Luz, como uma chama >>

 

(Este texto é parte da série de notas de conhecimento baseadas nos comentários de Sri Sri Ravi Shankar sobre os Patanjali Yoga Sutras.)

 

Founded in 1981 by Sri Sri Ravi Shankar,The Art of Living is an educational and humanitarian movement engaged in stress-management and service initiatives. Read More