Meditação

Meditação para maior
clareza da mente

Você já sentiu que quase se decidiu, mas, do nada, aparece uma nuvem negra de dúvida que parece não estar clara? Tais dúvidas são como ondulações na água que nos dão uma reflexão distorcida de nós mesmos e de tudo o que está ao nosso redor. Mas, uma vez que as ondulações se estabelecem, tudo se torna cristalino.

O que você obterá melhorando a clareza mental?

Você será capaz de:

  • Ter bom desempenho em seu trabalho
  • Aprender e reter informações por muito mais tempo
  • Trabalhar em qualquer tipo de problema complexo

Isso vai te ajudar a:

  • Se você não tiver certeza do seu propósito ou direção na vida
  • Se você está estressado e lutando para relaxar e pensar com clareza
  • Se você está buscando clareza em tempos incertos

É possível alcançar esse estado de espírito cristalino ou é apenas um paraíso para os tolos? Felizmente, é muito possível com a prática regular de meditação. A meditação, uma técnica testada pelo tempo, é como aquela placa que mostra a saída da sua selva de pensamentos. É a força invisível que resolve as ondas de dúvidas em sua mente e dá clareza sobre o que você pensa e como age. Como a meditação pode transformar a qualidade de nossos pensamentos? Qual é a ciência por trás disso? Vamos descobrir nas seguintes seções.

 

#1 Meditação induz um sentimento de calma

Você pode ter encontrado este provérbio chinês: "Quando você se sentir confuso, pegue um travesseiro e vá para a cama". Eles provavelmente sabiam que o sono pode acalmar sua mente confusa. Mas, você sabia que a meditação pode replicar esse efeito calmante? Você sabia que, quando em meditação, o requerimento de oxigênio do nosso corpo diminui em 10 a 20%, o que diminui apenas 8% durante o sono? Uma menor necessidade de oxigênio é uma indicação de uma sensação de calma, que dá ao nosso corpo o tão necessário descanso. Uma mente calma pode pensar com mais clareza do que uma mente inquieta porque não está espalhada por todo o lugar.

 

#2 Meditação aumenta a energia do seu sistema

A mecânica da meditação que discutimos no ponto anterior mostra que a meditação aumenta nossos níveis de energia. Quando isso acontece, todas as dúvidas e confusões dão lugar à clareza da mente. Você já reparou que quando estava triste ou se sentindo abatido, não estava claro em sua mente? E você também se lembra de estar feliz quando soube exatamente o que precisava ser feito? Limpar sua mente de confusão é como limpar a poeira da janela. Você pode ver e sentir melhor quando está feliz. Isso pode acontecer quando nossos níveis de energia são altos. Desta forma, a meditação pode ser o seu impulsionador de energia. A poeira é como a dúvida e uma janela limpa é como a clareza da mente, que inevitavelmente também refletirá em nossas ações. Tudo virá com alguns minutos em meditação.

 

#3 A meditação faz com que você se concentre

Você se observou nos momentos em que sentiu que estava muito focado em seu trabalho ou no que estava fazendo? Em todos esses momentos, você provavelmente também estava com muita energia. Isso é porque sua energia não é desviada para outros pensamentos não aproveitados. Nossa mente é como a memória RAM de um computador (a parte de um computador que faz todo o pensamento, análise e interpretação). Então, quando há muitos programas (pensamentos) sendo executados em segundo plano em um computador, os programas mais importantes ficam lentos. Esta é uma analogia quase perfeita para a nossa mente dispersa, e a meditação ajuda a encerrar esses programas indesejados. A meditação pode limpar sua mente de pensamentos ruidosos e esbanjadores. Isso, sem dúvida, nos torna claros na mente e somos capazes de trabalhar e tomar decisões com clareza.

 

#4 A meditação melhora a observação, a percepção e a expressão

Você, sem dúvida, sabe que seus olhos são sua janela para o mundo lá fora? Você consegue ver claramente quando tem uma partícula de poeira no olho? Da mesma forma, é possível perceber as coisas claramente quando você tem estresse no sistema nervoso? Começamos a duvidar de nós mesmos e dos outros quando nossa mente está envolta pelas emoções de raiva, ódio, ciúme, ganância, medo e/ou arrependimento. A meditação nos torna centrados, e tais sentimentos não nos incomodam muito.

Ao mesmo tempo, melhora nossa observação do mundo por dentro e por fora. Somos mais receptivos a como nos sentimos e como os outros se sentem em relação a nós. Quando começamos a ouvir a nós mesmos, fica mais fácil falar sobre nossos sentimentos e emoções. Observação mais clara significa uma compreensão mais clara da situação, e uma distinção mais clara entre o certo e o errado, o que inevitavelmente afeta nossa tomada de decisão.

Sem dúvida, isso também vai melhorar suas habilidades de comunicação e tornar o conteúdo de sua comunicação mais rico. Quando sua percepção e observação são claras, você sabe o que expressar e como fazê-lo.

 

#5 Meditação mantém clareza por mais tempo

Embora já tenhamos entendido como a meditação tira o lixo da nossa mente e nos ajuda a compreender, pensar e expressar com clareza, também é necessário entender como manter essa clareza a longo prazo. Isso virá quando meditarmos regularmente. A manhã é um bom momento para meditar, porque há menos caos e podemos meditar profundamente. A meditação diária sustenta nossa energia em níveis mais elevados. Também nos ajuda a manter um estado perpétuo de calma, que de outra forma podemos perder facilmente quando enfrentamos situações difíceis. Não apenas isso, a meditação também nos mantém ancorados quando somos dominados pela felicidade. Os benefícios da meditação são muitos.

Vamos ouvir o que um dos nossos meditadores regulares tem a dizer sobre a meditação e a clareza da mente:

 

Ivana Mihalinec, Designer Gráfico, Croácia:

Com meditação, eu afasto as nuvens da dúvida

Não há problema em não ser claro sobre a vida e os objetivos da vida quando você é jovem. Eu sinto que é porque somos inexperientes e ainda estamos experimentando caminhos. Mas houve momentos em que pensar demais piorou as coisas para mim. Senti meus pensamentos como uma bola emaranhada de lã presa na minha cabeça. Quando as decisões precisavam ser tomadas, eu nunca tinha certeza se faria a decisão certa. Eu refletia sobre isso de novo e de novo, tenho dúvidas, analiso demais as coisas e, finalmente, quando chegava a uma conclusão, imediatamente começava a duvidar disso. E todo o processo começaria de novo, até que meu cérebro estivesse fervendo.

Minhas confusões e problemas me perseguiram até que comecei a meditar regularmente. Hoje, não consigo imaginar começar o dia sem meditação, o que para mim é a melhor ferramenta para limpar a mente e mantê-la calma, relaxada e concentrada, tudo ao mesmo tempo.

    NEWSLETTER